Piumhi - MG

18:19 Sempre Girando 0 Comments

DIÁRIO DE UMA PASSAGEM POR PIUMHI - MG

Uma viagem para a cidade de Piumhi em Minas Gerais, mesmo que de curta duração (2 dias) já dá para perceber os encantos da região.
Igreja Nossa Sra do Livramento

A ideia era, nessa primeira "investida", conhecer um pouco da cidade e seu entorno, para, numa segunda visita, desfrutar melhor de seus atrativos.

O ônibus da Expresso União saindo do Terminal Rodoviário do Tietê (São Paulo-SP) não impôs qualquer restrição ao transporte da bike (embrulhada como de costume) e o motorista, muito cordial, tornou as 8 horas de viagem, menos cansativas (ele faz apenas uma parada de 20 min).

Como já tinha uma pousada reservada com antecedência  (Pousada Catalu), não me preocupei em procurar uma, entre tantas que existem na cidade e minha escolha se mostrou providencial (coisa mesmo da "Providência"). O Sr. Will me recebeu com toda amabilidade possível, indicando o quarto reservado. Logo na sala de entrada já dá para perceber o carinho com que cuida da Pousada recentemente inaugurada (2017). Conversando com ele, descobri que ele próprio fabricou os móveis com "Paletes" e carretéis de madeira, tanto dali quando da cozinha, que prima pela decoração.
Sala de estar da Pousada Catalu

Naquela tarde de quinta-feira (23/08/2018) já sentia que minha estadia naquela cidade seria das mais agradáveis. Mas no momento o que mais queria é uma boa janta, já que não tive oportunidade de almoçar na viagem. Perguntando ao Sr. Will onde poderia fazê-lo, o mesmo indicou o "Restaurante do Ticão", que ficava a +/- 1,5km do local. Por incrível que pareça, somente com essas indicações e sem conhecer a cidade, cai quase que direto na porta do restaurante, o qual serve as refeições num fogão da lenha, habitualmente a partir das 18:30h. Comida gostosa e variada, diga-se de passagem.

Agora era voltar para a Pousada, tomar um banho e ter uma noite de sono tranquila e reparadora.

Na manhã seguinte pude conhecer a Sra. Denise, que já preparava o café da manhã, pessoa amável e carinhosa, faz de tudo para agradar os hóspedes, nesse caso, o único. Conversando como eles pude perceber porque no momento desfrutava de toda a tranquilidade que mais desejava. A cidade de Piumhi não tem tantas cachoeiras quanto a cidade vizinha de Capitólio, o atrativo maior são os queijos e outros quitutes mineiros que podemos comprar em inúmeros locais na cidade. Mas Capitólio não tem acomodações suficientes para absorver a quantidade enorme de turistas de todas as partes do país que "desaguam" na região para ver as cachoeiras.
Foto da sala da Pousada Catalu

Conversa farta, tanto quanto o café da manhã, com os proprietários!

Mas um cicloturista não pode passar por um lugar sem dar uma "pedalada", por isso os planos do dia eram conhecer a Cachoeira e o mirante da Belinha (distante 5 km) e um pouco da região. Novamente o Sr. Will foi certeiro na informação e consegui chegar ao local sem maiores problemas. Segui a estrada de terra por 20 km, apesar de subidas fortes, mas pedaláveis, com exceção de uma ou outra na qual o chão estava crivado de brita, que dificultava a aderência da roda e a segurança. Quando atingi o topo de uma das montanhas mais altas da região (1.200m) não tive como não parar por um longo tempo e apreciar a vista do local. Era gratificante estar ali e apreciar o horizonte longínquo. Ao chegar numa área de reflorestamento de Eucalipto, com diversas bifurcações na qual o GPS já não indicava qualquer "estrada", resolvi que era hora de retornar, já que sem uma planilha como de costume e um destino pré fixado, poderia ter que pedalar muito mais do que o esperado.

No retorno à Pousada não pude deixar de comprar alguns queijos para levar na viagem da manhã do dia seguinte para São Paulo-SP.

Difícil é não sentir saudades de gente tão hospitaleira como o Sr. Will e a Sra. Denise, da Pousada Catalu.

Retornarei com certeza para Conhecer o Parque da Serra da Canastra, as Cachoeiras de Capitólio, e outras belezas da região.

Pensamento do dia:

O que é ser um cicloturista?

Alguém persistente para vencer dificuldades e chegar ao destino?
Alguém destemido, que venceu seus medos, incertezas e não desanima com a altimetria do terreno?
Alguém que se sente realizado com a vista do horizonte longínquo e o momento presente, com a simples cama de uma pousada ou uma gentileza inesperada?
Acho que tudo isso junto!

Obs:
- passagens de ônibus executivo Expresso União (São Paulo - Piumhi, horário das 8:00h) R$ 148,13 (23/08/2018), volta (25/08/2018) R$ 144,75. Em outros horários é disponibilizado ônibus normal com valores mais em conta.

Todas as fotos:
LINK PARA AS FOTOS



DIÁRIO DE UMA PASSAGEM POR PIUMHI - MG Uma viagem para a cidade de Piumhi em Minas Gerais, mesmo que de curta duração (2 dias) já dá para...

0 comentários: